AVISO / AVIZO

Links com defeito envie mensagem para esperantocaucaia.cek@gmail.com

Ligilo kiu ne funkcios sendu mesaĝo al esperantocaucaia.cek@gmail.com



KIOM DA HOMOJ PAROLAS ESPERANTON EN LA MONDO

Quantas pessoas falam Esperanto no mundo? Não há uma estatística, mas sabe-se que a língua é falada em 120 países, pois a revista Esperanto da Associação Mundial (Universala Esperanto-Asocio) tem leitores em 120 países. Alguém assinaria uma revista só para ver as as imagens? Eu assino para me informar das atividades da língua nos cinco continentes.Para ter uma idéia de quantas pessoas falam o Esperanto, foi criada uma página. Se você fala Esperanto assine a petição e se quiser deixe um comentário, em Esperanto, é claro.

http://www.thepetitionsite.com/1/esperanto-parolantoj-en-la-mondo/



Kiom da homoj parolas Esperanton en la mondo. Ne estas statistiko, sed oni scias ke, la lingvo estas parolata en 120 landoj, ĉar la revuo Esperanto de la Universala E-Asocio estas abonata en 120 landoj. Ĉu iu abonus gazeton nur por vidi la bildojn? Mi abonas ĝin por informiĝi pli la agadoj de la lingvo en la 5 kontinentoj.

Por havigi ideon pri kiom da homoj parolas Esperanton, estis kreita paĝon. Se vi parolas Esperanton subskribu la peticion.

http://www.thepetitionsite.com/1/esperanto-parolantoj-en-la-mondo/

Lançamento de Livro em Esperanto no Recife

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

A Associação Pernambucana de Esperanto (APE), instituição com quase 73 anos de fundação, em nome de seu presidente Marcelo Mota, convida os esperantistas e simpatizantes do ideal da Língua Internacional a participarem de um evento talvez inédito em Pernambuco: o lançamento do livro do estimado samideano Sebastião Pimentel de Assis. O romance foi intitulado JES, SINJORO! VIKTO VIVAS (SIM, SENHOR! VIKTO VIVE).



O lançamento simultâneo em português e em Esperanto ocorrerá na sexta-feira, dia 11 de fevereiro de 2011, a partir das 19h30, na sede da União Brasileira dos Escritores (UBE), localizada à Rua de Santana, 202 – Casa Forte.


“A obra JES, SINJORO! VIKTO VIVAS, por Sebastião Pimentel é um relato emocionante sobre a vida de duas famílias de imigrantes portugueses que chegaram ao interior pernambucano e lá se fixaram por volta do final do século XIX. Transformaram a região sob seus domínios. Onde a paisagem era de floresta nativa, transformaram em campos de agricultura e pastagem. Tornaram-se notáveis e se estabeleceram politicamente dentro do regime oligárquico ruralista. Ali, Vikto nasceu e foi protagonista de uma história de amor marcada pela fatalidade. O jovem enfrentou preconceitos e intrigas, mas superou todos os obstáculos nutrindo-se da esperança de que nunca iria desistir do seu verdadeiro amor.”


A APE foi fundada em 21 de abril de 1938 – http://esperanto-pe.org/

0 comentários:

 

Posts Comments

©2006-2010 ·TNB